Home :: Atividades 2014

Atividades 2014

Ícone_XV Jornadas de Cultura Alemã_Web2

XV Jornadas de Cultura Alemã

“As Revoluções de Veludo e a queda do Muro de Berlim … 25 anos depois”

 2 de set. a 2 de out. 2014

Há 25 anos, mais concretamente no dia 9 de novembro de 1989, acontecia o que muitos consideravam ser um “segundo milagre alemão”: a queda do muro de Berlim, que abriria caminho à reunificação alemã, consumada uma ano depois.

Apesar das palavras de ordem proferidas, nesse dia histórico, pelos alemães do oeste e, sobretudo, do leste aludirem de forma unívoca à surpresa e ao espanto total, o que se sintetizava na expressou infinitamente repetida de “Wahnsinn” (loucura) para se descrever o acontecimento, a abertura das fronteiras entre a República Democrática Alemã (RDA) e a República Federal da Alemanha (RFA) representou apenas o culminar dum processo gradual que se iniciara noutros países do chamado Bloco de Leste, designadamente na Polónia, com o movimento “Solidarnosc”, no início da década de 1980. Este movimento maciço de protesto ao regime comunista iria despoletar, em praticamente todos os países da Europa de Leste, as chamadas Revoluções de Veludo. Esta vaga de contestação ganharia um impulso ainda maior devida à rápida disseminação das ideias reformistas de M. Gorbatchov (“Glasnost” e “Perestroika”). Com a dissolução da própria União Soviética, em 1991, terminaria a Guerra Fria e dava-se início a uma nova ordem global. 25 anos depois … assiste-se porém a um reacender das velhas rivalidades que envolvem a atual União Europeia (alargada a vários países do antigo Bloco de Leste) e a Confederação Russa.

As XV Jornadas de Cultura Alemã, organizadas pelo Departamento de Estudos Germanísticos e Eslavos do ILCH, que terão lugar entre os dias 29 de setembro e 2 de outubro, dedicam-se precisamente a todos esses complexos acontecimentos em torno das Revoluções de Veludo e da queda do muro de Berlim, cujas consequências ainda se refletem de forma inequívoca no mundo atual.

Podendo contar com os valiosos apoios e patrocínios da Embaixada da República Federal da Alemanha e do Museu Arqueológico D. Diogo de Sousa, o programa das XV Jornadas de Cultura Alemãconsiste nos seguintes eventos e atividades:

Data/hora/local Evento

29 set. 2014

16-18h,

Sala CP1/218 (Gualtar)

Seminário Aberto (em alemão)

Gabriela Zelewska (U.Gdansk/Polónia):

“Die friedliche Revolution in Ost- und Mitteleuropa 1989 -1993”

30 set., 14h30,

Museu Arqueológico

D. Diogo de Sousa

Inauguração da Exposição Documental:

“Da Revolução Pacífica à Unidade Alemã”

1 out.,

14 às 18h,

Auditório ILCH

(Gualtar)

Colóquio

“As Revoluções de Veludo e a queda do Muro de Berlim … 25 anos depois”

14h Abertura
14h30-15h Anna Soczynska (U.Gdansk/Polónia) “O movimento Solidarnosc na Polónia”
15h-15h30 Thomas Weissmann (U.Chemnitz/Alemanha) “Desporto e identidade na RDA … antes e depois da queda do muro”
15h30-16h Intervalo
16h-16h30 Mário Matos

(ILCH/UM)

“A vi(r)agem na RDA”
16h30-17h Sandra Fernandes

(EEG/UM)

“A queda do muro e as novas divisões da Europa”
17h-17h30 Debate

1 out.,

18-20h,

Auditório ILCH (Gualtar)

 

Cinema / Documentário:

Das Wunder von Leipzig

(Real. S. Denhardt/M. Schmidt, 2009, língua: alemão)

2 out.,

14-16h

Sala CP1/305 (Gualtar)

Seminário Aberto (em alemão)

Anna Soczynska (U.Gdansk/Polónia):

“Die   Solidarnosc-Bewegung in Polen “

2 out.,

19-22h,

Sala CP1/311 (Gualtar)

Seminário Aberto (em português)

Thomas Weißmann (TU Chemnitz/Alemanha):

“Alemanha: da divisão à reunificação (1949-1990)”

 

Colaborações / Patrocínios:

Embaixada da República Federal da Alemanha – Goethe Institut – Museu D. Diogo de Sousa